Publicidade
Domingo, 17/12/2017
Busca
Buscar
Facebook
Twitter
RSS
Cadastre seu e-mail em nossa newsletter

Gestantes

Esta seção vai ajudar as gestantes a entenderem melhor o milagre da gravidez

Irmãos Gêmeos

Gêmeos são dois ou mais irmãos que nascem de uma mesma gestação da mãe, chamada gestação gemelar, podendo ser idênticos ou não.  Por extensão, as crianças nascidas de partos triplos, quádruplos ou mais também são chamados de gêmeos.

Embora não haja uma estatística precisa estima-se que, em meio a 85 gestantes, uma seja mãe de gêmeos.

De acordo com uma pesquisa publicada na revista científica  Journal of Reproductive Medicine, uma dieta rica em produtos lácteos também pode aumentar a possibilidade de gravidez gemelar, ou seja, de gêmeos.

Um fator importante pode ser a idade materna, segundo um estudo realizado  pela Universidade Vrije, na Holanda, o nascimento de gêmeos é mais comum entre mães acima dos 35 anos. Isto é,  atribuído às mudanças hormonais, elas seriam mais sensíveis a produzir vários óvulos num ciclo. A incidência de gêmeos também é maior entre as afrodescendentes.  O que também tem contribuido  muito para a gravidez gemelar são os tratamentos de reprodução assistidas,  quando o médico insemina o sémem do homem na cavidade do últero da mulher. Na maioria das vezes, é colocado  uma quantidade maior que um embrião, e em alguns casos, dois ou mais destes embriões podem se desenvolver, acontecendo assim, as gestações de dois, três, quatro ou até mais bebês.

Existem dois tipos de gêmeos, os idênticos, também conhecidos como univitelinos. Estes casos correspondem a 29% dos gêmeos, e os bivitelinos representam a maioria dos casos.

Idênticos/Uniivitelinos: Os bebês são iguais fisicamente, pois foram fecundados em apenas um óvulo, que se dividiu em duas ou mais partes idênticas, gerando bebês com o mesmo sexo e as mesmas características físicas e podem ou não compartilhar a mesma placenta.

Não Idênticosa /Bivitelinos: Neste caso. os bebês não têm necessariamente as mesmas características físicas e o sexo também pode ser distinto, pois dois óvulos e dois espermatozóides com características diferentes foram fecundados. Eles são gerados em placentas diferentes.

Os filhos gêmeos podem até ter características físicas semelhentes , não se engane, estas semelhenças  não são regra quando se trata de comportamento, vontades ou desejos de ambos.

Para pais que têm dois ou mais filhos, um dos maiores desafios é dedicar atenção e carinho na medida certa. Este “problema” é comum em qualquer família que tenha mais de uma criança com idades iguais ou aproximadas. Eles nascem juntos, choram juntos, e até mamam juntos, cada um em um seio. Como dar atenção a duas ou mais crianças ao mesmo tempo?

Os irmãos gêmeos mal cresceram e vivem disputando carinho, atenção e dedicação dos pais. Para, para alguns especialistas, é comum está  disputa por parte deles.

É importante que os pais identifiquem as particularidades e necessidade d e cada criança, além do gosto e interesse, evitar as famosas “dobradinhas” é fundamental, afirmam os especialistas.

A mesma roupa, cor e modelo, mesmo penteado, mesmo sapato, isso tudo pode prejudicar a capacidade de escolha e decisão da criança, ao longo da vida e não percam suas próprias identidades.

Equipe Filhos & Cia
por Marcela França

 
Deixe seu comentário:
Nome:
E-mail* ( Seu e-mail não será divulgado! )
Comentário*
 
Gestação Semana a semana

E-mail

Senha